Plass, o banqueiro-delator que levou Eike de volta à prisão

Por Lauro Jardim colunista do O Globo

Foi a delação premiada do banqueiro Eduardo Plass que está levando Eike Batista novamente para a prisão.

E quem é Plass?

Gaúcho há décadas radicado no Rio de Janeiro, Plass já chegou a presidir o Pactual e depois abriu o sua própria gestora, a Opus, e o TAG Bank, no Panamá.

Era no TAG que Eike tinha uma conta denominada Golden Rock. Dessa conta, por exemplo, saia o dinheiro da propina dada a Sérgio Cabral.

Plass foi preso no ano passado depois que seus negócios heterodoxos apareceram com nitidez na delação de Roberto Stern, dono da H. Stern. Plass foi preso em agosto do ano passado e solto logo depois ao pagar uma fiança recorde de R$ 90 milhões.

Neste ano, Plass mudou de advogado — contratou Celso Vilardi — e começou a negociar sua delação, já homologada.

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários