Hackers presos compraram dólares e euros para adquirir armas

Com informações da Revista Crusoé

Dois dos supostos hackers presos pela Polícia Federal na Operação Spoofing compraram dólares e euros para adquirir armas em 2016, segundo informações transmitidas pelo Coaf à Polícia Federal, noticia a Crusoé.

O Coaf detectou operações suspeitas feitas por Walter Delgatti Neto, o “Vermelho”, e Danilo Cristiano Marques, para a compra de moeda estrangeira em lojas de câmbio nos aeroportos de Natal (RN) e do Galeão, no Rio.

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários