EXCLUSIVO: Filho de Pinteiro e sobrinho deixam a prisão e vão responder em liberdade

Por Ricardo Antunes

Mais duas pessoas presas, em maio, durante a "Operação Mar Aberto" foram soltas agora há pouco. São eles, José Pinteiro da Costa Júnior Filho ( conhecido como DJ Jopin.) e seu primo, Aníbal Pinteiro da WE DO Eventos. O escritório de Ademar Regueira é quem está fazendo a defesa de parte dos acusados.

Segundo a polícia, os envolvidos sonegaram mais de R$ 65 milhões e movimentaram mais de R$ 358 milhões nos últimos cinco anos. Diversas contas bancárias dos envolvidos foram bloqueadas pela Justiça.

A operação foi comandado pelo Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Draco), coordenado pela delegada Sylvana Lelis. O empresário José Pinteiro da Costa Neto, dono da Ecomariner, continua detido junto com o contador da família Rômulo Robérico Tavares de Ramos.

O grupo Ecomariner, da família Pinteiro, reúne 11 empresas em Pernambuco e na Paraíba. No bairro do Pina, na Zona Sul do Recife, o estaleiro do grupo foi alvo de mandado de busca e apreensão.

Juristas ouvidos pelo blog dizem que os dois já possuem condição de responder o inquérito em liberdade já que todas as contas e os bens estão bloqueados.

Confira a decisão do Juiz Evanildo Coelho de Araújo Filho:

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários