Ministro do Turismo chega atrasado na posse do presidente da Embratur

Por Ricardo Antunes

O presidente Jair Bolsonaro fez questão de prestigiar a posse do empresário e seu amigo pessoal, Gilson Machado Neto, que assumiu o cargo de presidente da Embratur - Empresa Brasileira de Turismo. Marcada para 18h, o presidente chegou cinco minutos antes.

Por sua vez, o Ministro do Turismo, Marcelo Álvaro, só chegou quase 15 minutos depois, o que causou certo constrangimento entre os presentes. O Ministro está sendo investigado pela acusação de ter recebido dinheiro de "laranja" em sua campanha, e muita gente aposta que ele não chega na festa de São Pedro.

O caso das laranjas do PSL é alvo de investigações da Polícia Federal e do Ministério Público em Minas e também em Pernambuco. E levou á queda do então ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, que comandou o partido nacionalmente em 2018.

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários