EXCLUSIVO: Empresários presos por sonegação já podem ser soltos na segunda-feira (13)

Por Ricardo Antunes

A família do empresário José Pinteiro Neto e mais quatro pessoas acusadas de um esquema de fraude de quase R$ 100 milhões e, presos na última quinta-feira (09), podem ser soltos já na próxima segunda-feira (13).

O filho do empresário José Pinteiro Neto, o DJ Jopin, um dos presos pela operação da última quinta-feira.

É nessa data que o desembargador Carlos Moraes vai julgar o Habeas Corpus impetrado pelo advogado Ademar Rigueira. Rigueira é advogado de sete dos acusados por crimes de sonegação fiscal e lavagem de dinheiro. Por sua vez, o empresário José Pinteiro Neto, apontado como o "chefe da organização criminosa", e o contador Romulo Tavares de Ramos, são defendidos pelo advogado José Augusto Branco. O Desembargador é tido como sério e linha dura.

Indagada sobre o fato a delegada Priscilla Von Sohstem disse que sua expectativa é 'que a prisão preventiva seja mantida. "Soltos, eles podem continuar fazendo o mesmo crime mas isso é uma decisão da justiça".

Jovem, bonita e com descendência alemã, ela foi bastante elogiada pela delegada Silvana Lellis por toda operação. "Apesar de ser ainda muito jovem ela mostrou competência e maturidade num caso difícil como esse", afirmou Silvana que está fazendo um bom trabalho a frente do Departamento de Repressão á Corrupção e ao Crime Organizado (Draco).

A Delegada Silvana Lellis está responsável pela DRACO desde dezembro de 2018 e vem realizando um bom trabalho.

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários