Ministério da Justiça nega convite e delegada Patrícia Domingos fica em "situação vexatória"

Por Ricardo Antunes, em Brasília

Atendendo ao pedido de esclarecimento feito pelo Blog na manhã desta sexta-feira (12), o ministério da Justiça afirmou que em nenhum momento a delegada Patrícia Domingos foi chamada para trabalhar com o ex-juiz da Lava Jato, Sérgio Moro.

“Informamos que a Senasp não enviou ofício referente a mobilização da delegada Patrícia de Oliveira Domingos”, diz a nota enviada pelo Ministério da Justiça para a nossa redação.

A delegada Patricia Domingos tida por muitos como "Moro do Nordeste", faltou com a verdade quando informou um suposto convite que nunca houve. Apontada como "eventual candidata da oposição", ela praticamente encerra eventual carreira política na oposição ao grupo do PSB que está há quase 20 anos no poder.

O mais inusitado nessa história foi a delegada ter dado entrevista em jornais, blogs e rádios se dizendo "honrada com o convite" e mostrando seus planos para trabalhar ao lado de Sérgio Moro, atual ministro da Justiça.

Com o desmentido oficial, resta saber porque Patrícia Domingos "teria inventado" essa história toda. "Em off", no meio jurídico e entre políticos, o que se diz é que a delegada "passou do ponto" por conta de sua "vaidade" e de um "projeto político" que teria o empresário e bolsonarista, Gilson Manchado Neto, por trás.

Foi ele, atual Secretário Nacional do Meio Ambiente, que repassou ao Blog de Jamildo o suposto convite. Gilson Machado Neto apostava que ela pudesse sair como candidata à prefeitura do Recife pelo partido de Bolsonaro (PSL). E, por isso, teria jogado o "balão de ensaio", que na verdade foi apenas um "fake news" plantado nas mídias.

Pelo visto, com o aval da própria delegada que teve direito há mais um mês de fama e de exposição de mídia. Se alguém caiu nesse "conto", foi o próprio Blog de Jamildo que deu em março nada menos que 4 matérias sobre o assunto.

Matéria sobre a suposta solicitação da transferência da delegada, foi publicado em primeira mão pelo Blog de Jamildo, mas era apenas fake news.

Como "mentira tem perna curta" o governador Paulo Câmara (PSB) sai por cima dessa "novela" e deixa a servidora pública numa posição absolutamente constrangedora.

Patrícia Domingos disse que aceitou o convite, em entrevista também publicada no Blog de Jamildo.

Ela que se coloca como "perseguida e vítima" do governo do PSB, tem que vir a público através do Blog do Jamildo ou em nosso Blog, explicar com que interesse deu uma declaração falsa a todo imprensa de Pernambuco.

Com a palavra, a delegada Patrícia Domingos.

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários