Onyx indica ex-aluno de Olavo de Carvalho para ser o novo ministro da Educação

Tudo indica que briga entre grupos no MEC deve continuar

Por Ricardo Antunes

O presidente Jair Bolsonaro demitiu nesta segunda-feira (08) o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, e indicou Abraham Weintraub ao cargo. O anúncio foi feito pelo Twitter. Fora da agenda, Bolsonaro se reuniu com Vélez na manhã de hoje no Palácio do Planalto.

Abraham Weintraub já trabalhava no governo Bolsonaro. Ele era secretário-executivo da Casa Civil, segundo cargo mais importante dentro da pasta. O novo ministro atuou na equipe do governo de transição. Junto com o irmão, Arthur Weintraub, foi responsável pela área de Previdência no período. Os dois foram indicados a Bolsonaro pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Weintraub ainda foi aluno do "guru" Olavo de Carvalho que era amigo de Vélez e na semana passada disparou fortes críticas. Nesse sentido, tudo indica que a guerra entre os grupos no MEC vai continuar.

Ajude-nos a continuar nosso trabalho independente. Você jamais será livre, sem uma imprensa livre. Contribua.

da Redação

Comentários