Moro acertou ao aceitar o pedido do Presidente da República

Por Ricardo Antunes

Pensando bem e diante da profusão de "fake news" sobre o novo presidente (ao qual, todos sabem, não dei o meu voto), eu revi minha opinião e, apoio sim, a ida do juiz Sérgio Moro para o Ministério da Justiça.

Ele, onde estiver, vai ser alvo da "petezada" que não o perdoa por ter conduzido a maior operação contra a corrupção em toda a história do país, colocando bandidos empresários e bandidos políticos atrás das grades.

Gente graúda. Gente grande.

Hoje pela manhã, ao aceitar o cargo, ele compromete o presidente em torno do apoio às medidas de corrupção que o atual congresso e os petistas desvirtuaram.

E deve controlar a PF, que agora volta para a pasta da Justiça.

Um velho político já ensinava: "Nunca coloque uma pessoa que não possa demitir". Se Bolsonaro colocou, está pelo menos bem intencionado.

Vamos acabar a brincadeira e quem roubou dinheiro público terá que pagar, seja ele quem for.

Resumindo: A Lava Jato vai ficar mais forte e quem tem o "rabo preso" que se cuide.

É isso e vamos ao debate.

Comentários