Esquema de Marco Aurélio com petistas foi feito ás 14h para que decisão não fosse a plenário

Por Ricardo Antunes

Ao dar uma liminar às 14h dessa quarta para libertar os condenados em segunda instância que ainda têm recurso pendente de julgamento, o ministro Marco Aurélio, deu um xeque mate nos outros ministros do Supremo.

A  decisão foi tomada no último dia de funcionamento do STF antes do recesso, justamente para não hacer tempo de levar o caso ao plenário. Tudo combinado com os advogados de Lula, claro.

Comentários

Leia mais...

Mais em Sem Censura