Edição de livro sobre Arraes por R$ 2 milhões vira escandalo nacional e mancha mais um vez nome do ex-governador

Por Ricardo Antunes

Decididamente, a biografia de Miguel Arraes, um dos símbolos contra a ditadura militar de  1964 e ex-governador de Pernambuco por três vezes não merecia isso. A dispensa de licitação de quase R$ 2 milhões para uma edição comemorativa, feita na surdina no final do ano passado pela Assembléia Legislativa, teve o destino merecido. 

Foi suspensa pelo TCE, através da conselheia Tereza Dueire que atendeu pedido do Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCP). A grafica beneficiada sendo o MP foi a Editora Canaã que tem sede em Olinda.

O blog está apurando quem está por trás de toda esse história que macula o nome do ex-governador e de toda sua família. O Brasil mudou e muita gente ainda não se deu conta de que, "esquemas" como esse, não são mais aceitos pela sociedade.

Será que ninguém da família do ex-governador pensou nisso para abortar essa idéia?

Pior: Todo o Brasil já está sabendo do fato que virou piada nas redes sociais.

É lamentável.

Comentários

Leia mais...

Mais em Sem Censura