Brasil chama regime Maduro de "criminoso" através de nota do Itamaraty. PT e PSOL elogiam ditador, claro.

O Itamaraty divulgou uma nota neste domingo condenando “os atos de violência perpetrados pelo regime ilegítimo do ditador Nicolás Maduro” ocorridos ontem.

“O uso da força contra o povo venezuelano, que anseia por receber a ajuda humanitária internacional, caracteriza, de forma definitiva, o caráter criminoso do regime Maduro.”

[caption id="attachment_20532" align="aligncenter" width="300"] Brazilian former President Luiz Inacio Lula da Silva (R) greets Venezuelan Foreign Minister Nicolas Maduro (L) during the second day of the XVII Foro de Sao Paulo (Sao Paulo Forum) in Managua, on May 19, 2011. Some 157 leaders of Latin American leftists parties and movements are taking part in the forum. AFP PHOTO/ ELMER MARTINEZ[/caption]

A nota diz ainda que os ataques são “um brutal atentado aos direitos humanos” e que “nenhuma nação pode calar-se”. “O Brasil apela à comunidade internacional, sobretudo aos países que ainda não reconheceram o presidente encarregado Juan Guaidó, a somarem-se ao esforço de libertação da Venezuela”.

 

Comentários

Leia mais...

Mais em Geral