Geral

Cassado pela ditadura militar, Dorany Sampaio se foi aos 91

Cassado pela ditadura militar, Dorany Sampaio se foi aos 91

13/03/2018 10:49

Do JC

Morreu na manhã desta terça (13/03), o advogado e ex-presidente estadual do PMDB, Dorany Sampaio. Ele estava com 91 anos e sofria de problemas de saúde e locomoção. Dorany estava internado no Hospital Português. O velório do corpo de Dorany está marcado para acontecer a partir das 14h no Cemitério Morada da Paz, em Paulista. A cerimônia de cremação acontece às 18h.

Carreira

Dorany Sampaio foi secretário de Estado do Governo de  Jarbas Vasconcelos (1999/2006). Dorany ficou a frente do PMDB por 27 anos.

Durante a Ditadura Militar, ele teve o mandato de deputado estadual cassado. Em 2012, Dorany teve seu mandato restituído simbolicamente, junto com outros 24 parlamentares. Três anos depois, prestou depoimento na primeira audiência pública para ouvir deputados cassados a respeito da violação dos direitos humanos dos parlamentares pernambucanos à época do regime ditatorial.

Opine e entre na discussão